Alimentos proibidos para o meu gato

Nídia Teiga Alimentação, Gatos

Fonte: hehaden

É normal alguns donos darem aos gatos ou cães restos da sua comida ou até preparem uma refeição mais especial, mas nem todos estão conscientes dos riscos que a comida humana pode trazer. É preciso ter atenção que as necessidades alimentares de um animal são diferentes das dos humanos e nem sempre o que funciona para um funciona para o outro. Inclusive no caso dos gatos pode mesmo acabar por ser perigoso.

Alimentação gatos

Para que os gatos tenham uma dieta equilibrada não deve oferecer-lhe os seus alimentos pois poderão ser prejudiciais à saúde. No caso da cebola e do alho, estes atacam os glóbulos vermelhos o que provoca anemia. Quanto ao abacate é também de evitar pois poderão causar uma acumulação de líquidos ao redor dos tecidos do coração, podendo mesmo a vir a ser fatal.  Outros alimentos perigosos são: o café, o chá, picantes e chocolate. Este último é tóxico e quando ingerido torna-se um veneno mortal para a maioria dos gatos.

E o peixe? É comum acreditar-se que não há problema em dar peixe ao nosso gato, mas quando dado em excesso o peixe cru interfere na absorção da vitamina B. É por isso preferível dar-lhe peixe cozido e não cru.

Ao contrário do que se pensa, dar leite a um gato não é bom pois estes são intolerantes à lactose, mas se quiser continuar a dar este mimo, opte por comprar um leite sem lactose.

Que alimentos podem comer?

Nem tudo é prejudicial e por isso deixamos aqui uma lista de alimentos que poderá dar ao seu animal.

    • Frango ou peru cozido – ótimo para quando o gato estiver doente ou com problemas intestinais;

li>Ovos – grande fonte de proteínas e vitaminas estes podem ser dados aos gatos desde que cozidos antes;

  • Banana – para proporcionar uma dose extra de potássio;
  • Arroz – quando estão doentes, tanto os cães como os gatos precisam de uma dieta mais suave e o arroz é um alimento que os ajudará a recuperar;
  • Legumes cozidos – brócolos e cenoura são alguns exemplos que legumes que poderá dar ao seu gato. Estes oferecem a fibra necessária para a dieta e são grandes ajudas para combater as bolas de pelo.

 

As necessidades dos gatos são bastante diferentes das nossas e por isso é importante que tenha consciência dos alimentos que pode ou não oferecer ao gato.

 

Fotografia: hehaden Tea time for little people via photopin (license

Apaixonada por animais e o seu melhor amigo é o Dallas, um Boxer muito querido e louco para a brincadeira.

Blogger e Community Manager da Love Pet Food. Licenciada em Economia na Nova School of Business and Economics e mestre em Marketing pelo ISCTE Business School.

Join thousands of pet lovers and get our weekly pawsome newsletter

Every week we send out our newsletter so you don't miss out on our tips, news and all things funny about our four legged friends.