Coleira estranguladora, sim ou não?

Nídia Teiga Cães, Dicas para cães

Este tipo de coleiras funcionam mais ou menos como um laço, quando o cão puxa a coleira ajusta-se ao pescoço e quando o cão fica mais tranquilo a coleira deixa de apertar.

As coleiras estranguladoras são também um tópico de grande polémica e a decisão deve ficar a cargo do dono sempre e até que a mesma não esteja a prejudicar o animal.

Este tipo de coleiras existem em vários materiais: algumas de metal, outras de corda redonda e outras planas de nylon.

Uso

A primeira questão a ter em consideração é o tamanho, pois a mesma não deve estar muito grande.

Se normalmente passeia o seu cão do lado esquerdo, coloque-se à frente dele, forme um laço com a coleira e coloque-a de modo a formar a letra P e depois passe a coleira pela cabeça.

A pressão sobre o pescoço não deve durar mais do que um instante pois a mesma pressiona as estruturas delicadas da garganta e também não deve permitir que o cão puxe a trela e avance a tossir e ofegar.

Durante o passeio a trela deve estar sempre sem pressão e apenas se deve puxar para marcar uma mudança de direção ou para chamar a atenção do cão sobre uma ordem.

Quando

Esta coleira deve ser usada durante as aulas de adestramento e quando o cão não tem um passeio controlado.

Fotografia: Bennilover “It’s the Little Things”, like having a job to do and doing it well.” by Benni Girl via photopin (license)

Apaixonada por animais e o seu melhor amigo é o Dallas, um Boxer muito querido e louco para a brincadeira.

Blogger e Community Manager da Love Pet Food. Licenciada em Economia na Nova School of Business and Economics e mestre em Marketing pelo ISCTE Business School.

Join thousands of pet lovers and get our weekly pawsome newsletter

Every week we send out our newsletter so you don't miss out on our tips, news and all things funny about our four legged friends.