Dicas para ajudar o seu cão com a chegada do verão

Nídia Teiga Cães, Dicas para cães, Saúde

O verão já chegou mas o calor teimava em não aparecer, mas parece que chegou a altura. E quem é que não gosta de um ótimo mergulho nesta altura? Não só os humanos mas também os cães.

No entanto nem sempre há a possibilidade do cão dar um mergulho e por isso cabe aos donos arranjar soluções para que estes se refresquem. O que os donos não se podem esquecer é que o pelo tanto serve para proteger do frio como também para filtrar o calor.

Ajudar o cão com o calor

Apesar do pelo ajudar a suportar o calor, os donos devem tomar outras medidas para ajudar o animal para que estes estejam menos vulneráveis a golpes de calor. Deixamos aqui algumas dicas do que podem e devem fazer com este calor.

Horas de passeio

As horas do passeio devem ser escolhidas com cuidado e deve ser utilizada a mesma lógica de prevenção que é utilizada para as pessoas, ou seja evitar as horas de mais calor, das 11 da manhã às 4 da tarde.

Carro

Nunca devem deixar o cão dentro do carro fechado quando estiver calor pois existe uma grande probabilidade de o mesmo sofrer um golpe de calor. Para além disso é algo que o pode fazer levar uma multa.

Pelo

Como dissemos o pelo acaba por proteger o animal, mas se o cão tiver o pelo muito comprido deve levá-lo ao veterinário para que este indique qual a melhor tosquia que deve fazer. Acredite que o cão irá agradecer.

Água

Talvez este devesse ter sido o primeiro ponto que devíamos ter abordado. A água é extremamente importante para que o cão se mantenha hidratado. O cão deve ter sempre água disponível e fresca. Se o seu cão fica na rua não se esqueça de deixar a água à sombra.

Sombra

A sombra não é só importante para deixar a água e a comida mas também para que o cão possa relaxar, descansar e recuperar do calor.

Superfícies quentes

Nós as pessoas não notamos porque estamos calçadas mas os cães não têm sapatos e por isso as patas são a primeira coisa a tocar no chão. Devemos então ter atenção a todas as superfícies quentes, como o alcatrão, a areia, entre outros.

Piscina

Se tiver espaço e o seu cão esteja habituado a piscinas, esta pode ser uma ótima solução para o seu cão e para si que fica mais descansado. Se não sabe que piscina comprar então fale com o veterinário para que este lhe possa indicar uma.

Fotografia: foxypar4 Mad Dogs and Englishmen; Marsaxlokk, Malta via photopin (license)

Apaixonada por animais e o seu melhor amigo é o Dallas, um Boxer muito querido e louco para a brincadeira.

Blogger e Community Manager da Love Pet Food. Licenciada em Economia na Nova School of Business and Economics e mestre em Marketing pelo ISCTE Business School.

Join thousands of pet lovers and get our weekly pawsome newsletter

Every week we send out our newsletter so you don't miss out on our tips, news and all things funny about our four legged friends.