Porque é que os cães pedincham?

Nídia Teiga Cães, Comportamento

Os cães pedincham porque querem comida. Pedinchar é um comportamento natural nos cães, por isso é preciso muita consistência para desfazer este comportamento.

Os lobos começaram há muitos anos a procurar comida humana e sempre que rodeavam os humanos e tinham comportamentos mais domésticos eram recompensados. Pelo que pedinchar não é estranho para os cães, mas sim instintivo.

Cães domesticados gostam de procurar alimentos dos donos e por serem observadores, aprendem rapidamente que implorar produz resultados.

Como travar este comportamento

Somos culpados ao reforçar os maus comportamentos dos cães e como os mesmos conhecem bem os donos aprendem a conseguir o que querem. Os cães imploram mais quando estamos a olhar para eles; eles sabem que funciona.

O primeiro passo ao ensinar o cão a não pedinchar é fazer uma promessa a si mesmo: pare de ceder. Toda vez que damos biscoito ou um bocado da nossa comida na mesa, ele aprende que implorar funciona. Pode não funcionar todos os dias, mas os cães têm boa memória.

Não é justo esperar um bom comportamento do cão se nós mesmos não somos consistentes.

Ignorar

Se o cão já tem o hábito de pedir comida, então é necessário ignorar completamente o comportamento. Se ele receber uma resposta positiva uma única vez, ele sabe que os esforços podem valer a pena da próxima vez.

Parece bastante simples, mas ser consistente pode ser difícil. Não olhe para o cão enquanto pedincha, não fale, não lhe toque.

Os cães desenvolveram estes grandes olhos tristes e orelhas de abano por este motivo, para manipular.

Afastar o cão da mesa

Uma das maneiras mais simples de impedir que este pedinche é impedindo o comportamento e pode fazê-lo ao separar o cão da mesa de jantar.

Pode ensinar o cão a deitar-se noutro sítio enquanto janta tranquilamente.

Dependendo do comando de ficar, talvez seja necessário treinar um pouco mais com o cão para que este aguente o tempo todo do jantar deitado no local escolhido. Caso ele não fique o tempo todo deitado então o melhor será colocar barreiras, como por exemplo as grades de proteção dos bebés.

Redirecionar a atenção

Se a separação não for solução então o melhor será direcionar a atenção do cão para outra situação, como por exemplo brinquedos interativos, biscoitos escondidos, entre outros.

Se o comportamento for consistente o cão irá acabar por ceder e deixará de pedinchar. Este é um trabalho e esforço de ambas as partes, mas na verdade é um trabalho muito do dono de não ceder.

Fotografia: Matthew Almon Roth via photopin (license)

Apaixonada por animais e o seu melhor amigo é o Dallas, um Boxer muito querido e louco para a brincadeira.

Blogger e Community Manager da Love Pet Food. Licenciada em Economia na Nova School of Business and Economics e mestre em Marketing pelo ISCTE Business School.

Join thousands of pet lovers and get our weekly pawsome newsletter

Every week we send out our newsletter so you don't miss out on our tips, news and all things funny about our four legged friends.